Homem estupra criança, ameaça militares de morte e instiga cão a mordê-los

Um homem de 44 anos foi preso após estuprar uma menina de 11 anos. O homem ainda agrediu os policiais militares, os ameaçou de morte e instigou o seu cachorro a mordê-los. O caso aconteceu na tarde deste domingo (8), em Formiga, no Centro-Oeste de Minas Gerais.

De acordo com a Polícia Militar o suspeito estava em um churrasco no bairro Cidade da Serra quando passou a mão nas nádegas de uma criança de 11 anos. Logo após o crime, ele chamou a mulher dele para ir embora e disse que eles precisavam sair logo do local. No entanto, a criança contou aos familiares o que tinha acontecido.

A vítima disse ainda que em outra data, o homem aproveitou que estava sozinho com ela, a agarrou pelas costas e passou o órgão genital nas nádegas dela. Após o relato da menina, os frequentadores do churrasco acionaram a polícia, que foi até a casa do suspeito.

Quando percebeu a chegada dos militares, o suspeito tentou fugir, mas foi contido pelos militares. Com o intuito de não ser preso, o homem deu chutes e socos nos policiais. Ele ainda instigou o cachorro da casa dele a morder os militares, que precisaram usar de força física e do cassetete para conter o cão e o homem.

O suspeito ameaçou os policiais de morte dizendo:  “isso não vai ficar assim. Vou matar vocês”. O homem foi levado para uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da cidade atendido e depois de liberado foi levado para a Delegacia de Polícia Civil que vai investigar o caso.

O Tempo

Deixe seu comentário