De Coronel Fabriciano: História de fé de mineiro comove o Brasil

Um vídeo que viralizou na internet na última semana, apresentou para o Brasil uma trajetória de fé e amor a Deus que serve como inspiração.

Assista ao vídeo:

Paulo Henrique Nascimento Pereira, 25 anos, morador de Coronel Fabriciano, Minas Gerais, teve sua rotina mudada após ganhar as telas das redes sociais com sua história. Em menos de uma semana de publicação, o vídeo já foi visualizado por mais de dois milhões de pessoas só em uma página do Facebook.

Mais que uma história de superação, o vídeo apresenta a filosofia de vida de Paulo, um homem de muita fé, com princípios cristãos bastante enraizados e acima de tudo um profundo amante da Palavra de Deus.

Paulo nasceu com paralisia cerebral, mas a doença nunca foi um problema em sua vida, muito pelo contrário. O jovem conseguiu concluir o segundo grau na Educação de Jovens e Adultos (EJA) e deseja dar continuidade aos seus estudos. Ele sonha um dia ter a oportunidade de cursar faculdade de Teologia e Psicologia. Criado em um lar evangélico, aprendeu desde pequeno a amar a palavra de Deus. É membro da Igreja Batista Vida e Paz e casado há três anos com Amanda Amâncio, também portadora de paralisia cerebral e por quem Paulo demonstra muito amor. O casal mora em uma casa simples, junto com a mãe de Amanda, em um bairro de Coronel Fabriciano.

Em entrevista ao Gospel Prime, Paulo Henrique contou como o evangelho de Cristo o ajuda a vencer as dificuldades do dia a dia e como ele se relaciona com a fé.

“Tem duas coisas que me motivam na vida. A primeira delas é a fé. O evangelho de Jesus diz que se você tiver fé do tamanho de um grão de mostarda você pode mover montes. A fé é uma convicção de que tudo vai dar certo. Eu tenho essa convicção. Sei que Deus é em meu favor, não porque eu mereço, mas porque Ele é misericordioso. Em segundo lugar, sei que Deus fica muito alegre com uma alma ganha, então eu me preocupo muito com isso. Essas convicções movem minha vida”.

Paulo conta que após a publicação do vídeo passou a receber centenas de mensagens por minuto no whastsapp, o que o fez criar uma página no facebook para responder a todos que o procuram. Leitor assíduo da bíblia e cristão preocupado com o próximo, ele enxerga toda essa repercussão como uma oportunidade para a propagação do amor de Deus. Ele deixa bem claro em suas palavras que esse é o objetivo principal de sua vida.

“Eu sou menos que um copo descartável, o importante é o que Deus coloca dentro de mim. Vai chegar um momento em que eu não estarei mais aqui e Deus vai levantar outro, é assim que as coisas acontecem no Reino de Deus, o importante é a palavra dele ser pregada”, ressaltou.

A sensibilidade de um produtor

As imagens foram gravadas por Daniel Fernadez, um produtor de vídeos que se comoveu ao conversar com Paulo no sinal de trânsito de uma das ruas do Centro de Coronel Fabriciano, onde o jovem vende seus doces.

“Quando ele chegou na janela do meu carro ele me surpreendeu. Em momento nenhum ele se fez de coitado, ele só queria trabalhar, só queria vender seu produto. Quando eu cheguei para comprar a bala ele começou a falar de Deus a contar um pouco da história dele e eu perguntei se poderia gravar. Ele gostou da ideia e a coisa tomou uma repercussão que eu não imaginava. O primeiro encontro com Paulo já mudou a minha vida. Eu editei o vídeo chorando, pois eu vi que não tenho problema nenhum, a gente tem tudo na vida e mesmo assim, às vezes reclama”, contou o produtor em uma entrevista concedida a um telejornal local.

Propostas de ajuda

Paulo recebe pouco mais de R$200 por mês e desde os 18 anos teve seu benefício do INSS negado. Depois da repercussão gerada pelo vídeo, ele conta que vem recebendo inúmeras propostas de ajuda profissional e pessoal, mas ele afirma aguardar direcionamento de Deus para tomar qualquer decisão.

“Agradeço a todos que estão me procurando e me oferecendo ajuda. Recebi muitos convites, mas como tudo que eu faço é direcionado por Deus, estou tranquilo. Sei que Ele vai me direcionar nessas propostas”.

Após a divulgação da história de Paulo, foi criada uma campanha na internet para ajudar ao jovem. Para contribuir basta acessar vakinha.com e deixar sua doação.

Gospelprime

Deixe seu comentário