Samuel Câmara inaugura a CADB com cerca de 10 mil pastores filiados

Na manhã deste sábado (2), ocorreu a formalização da Convenção da Assembleia de Deus no Brasil (CADB). No Templo Central da Assembleia de Deus em Belém, Pará, também conhecida como a “igreja mãe” da denominação, milhares de pastores oficializaram sua decisão de se juntar a Samuel Câmara, que será o presidente.

A cerimônia teve início às 10h, e se estendeu até às 12h30, sendo transmitida ao vivo pela internet. À noite, haverá um culto especial no mesmo local. Câmara aproveitou a oportunidade para divulgar os objetivos da nova convenção. Também foi lido seu estatuto e anunciados os projetos para o futuro.

Falando sobre uma “jornada muito abençoada” que seria “desenhada por Deus”, comunicou que já são mais de 10 mil membros filiados à CADB. Esses pastores são oriundos de quase todos os estados brasileiros. A única exceção é Sergipe. Câmara anunciou que, se nenhum pastor se filiar à nova convenção em breve, serão enviados missionários para aquele estado.

Um dos pontos altos foi o anúncio de um projeto para a sede da CADB, que será em São Cristóvão, Rio de Janeiro. Trata-se do mesmo prédio onde funcionava a primeira igreja Assembleia de Deus no Rio, em meados da década de 1930. É a única igreja fundada e liderada pelo Gunnar Vingren, missionário sueco fundador das Assembleias de Deus no país. Com uma longa história, tendo funcionado como a primeira sede da Convenção Geral das Assembleias de Deus no Brasil (CGADB) e da Casa Publicadora das Assembleias de Deus (CPAD). O local foi adquirido pela CADB.

Entre os vários anúncios, Câmara apresentou o material para a Escola Dominical, que os pastores conveniados não serão obrigados a comprar. “Não queremos ser donos da alma e de tudo, seremos dirigidos por Deus”, provocou.

Chama atenção o fato de que nessa nova convenção haverá pastoras, algo que não é comum na denominação. “Deus abençoe as mulheres da Assembleia de Deus que são chamadas por Jesus. A CADB é o seu lugar”, afirmou.

Toda a programação da CADB pode ser conhecida no site oficial, onde já está disponível um e-book gratuito com o estatuto. Com informações de CADB e JM Notícia

 

Deixe seu comentário