Em Caratinga: Jovem de 18 anos é detido após ameaçar a própria mãe e outros membros da família

15940788_1249453541775978_1666506019740568417_n

A mãe de 47 anos de idade, moradora do bairro Esperança em Caratinga, preferiu não mostrar o rosto. Ao jornalismo do SC ela contou que o filho de 18 anos tem um histórico de agressividade, mas desde a manhã desta sexta-feira a situação foi ficando insustentável.

“Hoje ele acordou falando que ia dar tiro, discutiu com o primo dele dizendo que já estava com a arma. Ele deu tapa no rosto do meu netinho de sete anos que ficaram as marcas no rosto. Falei para ele para evitar chegar neste ponto. Ele disse para chamar à Polícia que ele voltaria pior e mataria os policiais um por um. Sou mãe, sou serva do senhor. Agora imagina eu passar por essa situação?”.

Em determinado momento o jovem se apossou de uma espécie de um bastão repleto de pregos e bateu na parede próximo a mãe. Momentos depois a PM foi acionada, a princípio, acredita-se que por vizinhos temendo pela situação de conflito no lar.

Quando os militares foram até à casa o jovem escondeu o bastão usado na ameaça e na frente da PM tentou fingir que não havia conflito com a mãe.

A mãe disse não entender o porquê deste comportamento agressivo do filho e desconhece um suposto envolvimento dele com drogas.

“Eu estou muito triste. Porque minha família é muito calma. O Deus que eu sirvo é vivo. Eu falo isso pra ele direto. Vou deixar ele viver a vida dele, porque na minha casa isso não pode acontecer mais”, desabafou.

João Víctor da Cruz Souza foi conduzido à Delegacia de Polícia Civil de Caratinga. Segundo o aspirante Julierme, o filho chegou a dizer no momento de agressividade que arrancaria a cabeça da mãe. O jovem não tem passagem pela Polícia.

Fotos e apuração: Super Canal

Deixe seu comentário