Em Timóteo: “Estão tentando criar, mais uma vez, um clima de instabilidade política”, diz o prefeito eleito.

10505274_1460960254169904_4773468096563489848_n

Facebook

Há cerca de 6 horas circulam nas redes sociais que o prefeito eleito de Timóteo, Geraldo Hilário, “não poderá assumir cargo eletivo nenhum pelos próximos 6 anos”, o que implicaria que ele não poderia assumir a prefeitura do município a partir de janeiro. Uma das publicações diz: “Tribunal Superior Eleitoral, acata pedido do Ministério Público e condena Dr Geraldo Hilário, que não poderá assumir cargo eletivo nenhum pelos próximos 5 anos. Decisão do TSE (Brasilia), ontem dia 23/11/16, pelos Ministros da Justiça Teori Zavascki, Herman Beijamim, Luciana Lóssio, Napoleão Nunes definiram contra Dr Geraldo Hilário”.
O prefeito eleito, em seu perfil no Facebook, na tarde desta quinta-feira (24) rebateu, e afirmou: “Olá meus amigos e amigas. Estão tentando criar, mais uma vez, um clima de instabilidade política em Timóteo. Ontem, 23, houve um julgamento de embargos no TSE de um processo de doação de campanha em 2012 que não traz nenhuma preocupação muito menos instabilidade para nossa cidade. São questões apenas técnicas! Aliás esses processos estão fazendo a justiça que eu sempre sonhei que é a de provar minha Honestidade.
Eu só sei fazer o bem e assim será sempre!!!! A Timóteo Real, de verdade, vocês vão ter o prazer de conhecer a partir de 1 de janeiro de 2017.
Que DEUS abençoe Timóteo!”