Reflexão com Marcelo, da Presbiteriana do bairro Eldorado

danca

Nota: Este artigo não reflete, necessariamente, a opinião deste veículo.

“Não é de hoje que vemos uma inversão de valores no que diz respeito a música evangélica, a “glamourização” do gênero gospel o ” endeusamento” dos “astros” , são provas do quanto é maléfico esse caminho que estamos percorrendo. Surgem ministérios ,bandas ,comunidades todos com os mesmos objetivos , gravar CDs ,emplacar Hits, viajar com mega turnês e outras coisas que uma vida de astro da música proporciona.

11742837_867615949999455_6842948330407449990_n

Marcelo

O momento de louvor no culto e importante , recomendável biblicamente , mas se torna perigoso quando este passa ser o principal elemento do culto. Nos últimos tempos vimos igrejas sendo criadas em torno de gigantescos ministérios de louvor, igrejas estas que são calcadas nos sons dos instrumentos e na voz potente dos cantores, preferindo arranjos, harmonias, estrofes , refrões e preterindo oração, jejum, leitura e estudo da palavra…enfim, não queremos hostilizar a música , ignorar os talentos, mas o fato é que , temos um relacionamento profundo com os periféricos que são as cifras e as notas, e muito raso com o central que é Jesus. Há quem cite coisas do tipo ” Deus quer o melhor , Deus merece o melhor , ou então que Deus chamou quem tocasse bem ,( no caso de Davi com a harpa) , como se Deus fosse um jurado do the voice , ou do Raul Gil, que fica no alto do seu trono avaliando os solos de guitarra, ou a afinação no grave e no agudo dos cantores . Deus se importa tanto com isso que ele não se preocupou em salvar Jimmy Hendrix , Joe Satriani , Steve Vai, Frank Sinatra , tom Jobim e outros virtuoses que estão ou passaram por aqui.
O verdadeiro louvor é aquele que sai do coração contrito , das atitudes alinhadas com os mandamentos, de um bom testemunho perante o ” mundo”, de um viver incondicional do evangelho . Vale a reflexão!”

One comentário to Reflexão com Marcelo, da Presbiteriana do bairro Eldorado

  • Rodrigo Batista  says:

    Eu tive a oportunidade de conhecer o Marcelo. Homem temente a Deus, sempre disposto aos trabalhos do Senhor.

    Estudioso e sempre com o coração aberto para aprender mais de Deus.

    Tenho orgulho de telo como amigo…

Deixe seu comentário