Polícia procura suspeito de atear fogo em posto da PM, em Ipatinga

ZM

Posto funciona para registro de ocorrências
(Foto: Patrícia Belo / G1)

A Polícia Militar de Ipatinga (MG) procura pelo responsável da depredação da porta de vidro de um posto policial no Bairro Bom Jardim. O suspeito ainda ateou fogo em algumas cadeiras e em um computador.

De acordo com as informações do tenente coronel, Gregório Lara, o crime foi na madrugada desta quinta-feira (19), mas só foi descoberto de manhã, quando os militares chegaram para trabalhar.
“Quando os policiais chegaram de manhã encontraram o local naquela situação. O fogo já havia sido controlado. O computador foi recolhido para ser analisado”, afirma.
Gregório Lara diz que a polícia já tem informações sobre o suspeito do crime e deve prendê-lo nas próximas horas. Ele também não descartou a possibilidade do crime ter sido uma retaliação em virtude da absolvição do cabo acusado de um homicídio e quatro tentativas.
“Não podemos descartar esta possibilidade, mas também não podemos afirmar. Temos que prender o suspeito primeiro. Até porque, a vítima do homicídio residia em um bairro diferente e talvéz tenha sido coincidência. Mas não descartamos a possibilidade”, diz.

G1