Daily Archives 13 de outubro de 2017

Como surgiu a superstição da sexta-feira 13?

É sexta-feira 13, o dia mais amaldiçoado do calendário, supostamente quando tudo pode dar errado. Mas de onde surgiu a ideia de que coisas ruins acontecem nesta data?

Sexta-feira e o número 13 já eram associados ao azar por si só, segundo Steve Roud, autor do guia da editora Penguin Superstições da Grã-Bretanha e Irlanda.

“Porque sexta-feira foi o dia da crucificação (de Jesus Cristo), as...

Continue lendo...

Veja se une à Globo na imposição da ideologia de gênero

Poucos dias após o programa Fantástico, da rede Globo, ter veiculado reportagens tendenciosas, que tentam impor a agenda da ideologia de gênero como o “novo normal”, a revista Veja dedica a matéria de capa desta semana ao mesmo assunto.

O semanário mais lido do Brasil há muito se distanciou da postura que a tornou famoso...

Continue lendo...

Católicos fazem campanha para que evangélicos voltem pra “casa”

A Reforma Protestante, iniciada por Martinho Lutero e que mudou a história da civilização ocidental, completará 500 anos dia 31 de outubro. Quando afixou suas 95 teses na Catedral de Wittenberg, Alemanha, a intenção do frade agostiniano era modificar a Igreja Católica, fazer uma reforma, não causar uma divisão.

O papa não aceitou as cobranças e críticas, que mostravam à luz da Bíblia como a I...

Continue lendo...

Mulher é morta a facadas e PM prende suspeito do crime

A lavradora Maria Aparecida de Araújo Teixeira, de 49 anos, estava sozinha na casa da fazenda onde trabalhava, quando uma pessoa arrombou a porta, entrou e a matou com golpes de faca. A perícia da Polícia Civil constatou várias perfurações no tronco e nas costas de Maria. Entre os braços da vítima havia uma arma de fogo, que não estava municiada e que não foi reconhecida pelo companheiro dela...
Continue lendo...

Ratinho critica Veja e defende evangélicos: “Só conheço esse povo pregando a paz”

O artigo “Essa gente incômoda” publicado pela revista Veja na última semana, escrito pelo articulista J. R. Guzzo, atingiu diretamente o público evangélico, descrito como “um problema sem solução”.

Além da análise crítica feita por diversas lideranças evangélicas, o apresentador Ratinho desaprovou a publicação em seu programa e defendeu os cristãos brasileiros.

“Eu não gostei do q...

Continue lendo...